O Administrador do PNUD, Achim Steiner lançou oficialmente o Mecanismo de Financiamento de Seguros e Riscos (IRFF) do PNUD, o primeiro veículo corporativo de sempre do PNUD dedicado aos seguros e financiamento de riscos.

No evento, partilhou-se experiencias sobre como o IRFF pode ajudar os escritórios nacionais e os programas dos países a aplicar ferramentas, serviços e conhecimentos especializados de seguros e de financiamento de risco ao mundo cada vez mais complexo e arriscado em que vivemos.

O IRRF está estruturado em 5 áreas temáticas: Financiamento de Risco Soberano, Seguro Inclusivo, Integração no Desenvolvimento, Seguro de Capital Natural, e Seguro e Investimento. Há um forte enfoque na governação e na transformação dos mercados de seguros, na construção da advocacia e da evidência, e na integração dos seguros e do financiamento do risco nos processos de desenvolvimento. O Mecanismo já está activo em mais de 20 países e estará activo em 50 países até 2025, incluindo a realização de um programa de formação sólido que estará disponível para todos os escritórios e países do programa em 2022.

Há muitas maneiras de os escritórios nacionais se envolverem com a equipa do IRFF. Em primeiro lugar, existe o Acordo Tripartido, uma parceria entre o PNUD, BMZ e o Fórum de Desenvolvimento de Seguros, representando 10 seguradoras líderes mundiais, para co-desenvolver soluções de financiamento de risco soberano para reforçar a resistência do país e da comunidade aos choques socioeconómicos, de saúde, climáticos e outros. Um total de 29 países receberá apoio através da Tripartida e iniciativas relacionadas, com países que vão desde os de maior rendimento médio até aos menos desenvolvidos, e mais. Em 2022, a equipa lançará um fundo de desafio, dando a oportunidade a uma série de outros países de trabalhar com a indústria e assegurar o financiamento de soluções inovadoras de seguros e de financiamento de riscos.

Mas mais do que isso, o IRFF está a ser criado como uma estrutura a longo prazo do PNUD, trabalhando como parte do Centro do Sector Financeiro, para fornecer recursos a todos os Escritórios do PNUD nos países e países do programa. A equipa já está a trabalhar numa vasta gama de outras iniciativas, desde seguros de conflitos humanos-animais a seguros construídos com base no valor protector dos recifes, na modelização dos impactos secundários das crises sanitárias até aos seguros baseados em índices para a agricultura. E a equipa está pronta a trabalhar com todos os representantes residentes e as suas equipas em orientação política, ferramentas e metodologias, redes e parcerias, e muito mais.

No evento, discutiu-se o papel crucial dos seguros e das soluções financeiras de risco para proteger vidas, construir resiliência e impulsionar o crescimento económico inclusivo, e como a nova capacidade do PNUD neste espaço pode transformar a forma como os países gerem as finanças, o risco e o desenvolvimento.Saiba mais aqui



Icon of SDG 17

PNUD PNUD no mundo

Você está em PNUD Angola 
Ir a PNUD Global

A

Afeganistão

Á

África do Sul

A

Albânia Angola Arábia Saudita Argélia Argentina Armênia Azerbaijão

B

Bahrein Bangladesh Barbados Belize Benim Bielorrússia Bolívia Bósnia e Herzegovina Botsuana Brasil Burkina Faso Burundi Butão

C

Cabo Verde Camarões Camboja Casaquistão Chade Chile China Chipre Colômbia Comores Costa do Marfim Costa Rica Cuba

D

Djibouti

E

Egito El Salvador Equador Eritréia Escritório do Pacífico Essuatíni Etiópia

F

Filipinas

G

Gabão Gâmbia Gana Geórgia Guatemala Guiana Guiné Guiné-Bissau Guiné Equatorial

H

Haiti Honduras

I

Iêmen Ilhas Maurício e Seychelles

Í

Índia

I

Indonésia Irã

J

Jamaica Jordânia

K

Kosovo Kuwait

L

Lesoto Líbano Libéria Líbia

M

Macedônia do Norte Madagascar Malásia Malauí Maldivas Mali Marrocos Mauritânia México Moçambique Moldova Mongólia Montenegro Myanmar

N

Namíbia Nepal Nicarágua Níger Nigéria

P

Panamá Papua Nova Guiné Paquistão Paraguai PDR do Laos Peru Programa de Assistência ao Povo Palestino

Q

Quênia Quirguistão

R

República Centro-Africana República Democrática do Congo República do Congo República do Iraque República Dominicana República Popular Democrática da Coreia Ruanda

S

Samoa (Escritório Multi-País) São Tomé e Príncipe Senegal Serra Leoa Sérvia Síria Somália Sri Lanka Sudão Sudão do Sul Suriname

T

Tailândia Tajiquistão Tanzânia Timor-Leste Togo Trinidad e Tobago Tucormenistão Tunísia Turquia

U

Ucrânia Uganda Uruguai Uzbequistão

V

Venezuela Vietnã

Z

Zâmbia Zimbábue