--- Image caption ---

 A manhã de hoje foi marcada pela inauguração da Academia do Empreendedor de Luanda (AEL), como uma instituição de apoio aos jovens empreendedores do distrito urbano do Benfica, em Talatona.

Na ocasião, a Governadora de Luanda, Joana Lina, apelou aos parceiros de implementação maior engajamento para a maximização dos resultados.

A Representante Residente Adjunta do PNUD espera que estas acções venham impulsionar e promover a inserção de novas empresas, start-ups, no mercado de trabalho com a possibilidade de gerar empregos para outros jovens, ajudando assim no desenvolvimento social económico do país conforme sublinhado no Plano de Desenvolvimento Nacional (PDN 2018-2022).

De realçar que a AEL será um espaço de excelência e que se destina a todos jovens interessados em testar as suas ideias e transformar suas inovações numa oportunidade de negócio de sucesso e muito mais.

A AEL tem um vínculo com o Memorando de Entendimento, assinado em 2020, onde o PNUD apoiará na operacionalização da Academia do Empreendedor de Luanda, no sentido de fomentar o empreendedorismo e o autoemprego. Uma necessidade urgente no período pós-covid e sobretudo para os jovens e mulheres.

A cerimónia de inauguração da AEL contou com a presença de Sua Excelência Ministra da Juventude e Desporto, Dra. Ana Paula do Sacramento, do Coordenador do Banco Nacional de Angola, Dr. José Massano Júnior, do Secretário de Estado da Administração Pública, Dr. Vânio António Gaspar Americano entre outras individualidades.

 

Icon of SDG 01

PNUD PNUD no mundo

Você está em PNUD Angola 
Ir a PNUD Global

A

Afeganistão

Á

África do Sul

A

Albânia Angola Arábia Saudita Argélia Argentina Armênia Azerbaijão

B

Bahrein Bangladesh Barbados Belize Benim Bielorrússia Bolívia Bósnia e Herzegovina Botsuana Brasil Burkina Faso Burundi Butão

C

Cabo Verde Camarões Camboja Casaquistão Chade Chile China Chipre Colômbia Comores Costa do Marfim Costa Rica Cuba

D

Djibouti

E

Egito El Salvador Equador Eritréia Escritório do Pacífico Essuatíni Etiópia

F

Filipinas

G

Gabão Gâmbia Gana Geórgia Guatemala Guiana Guiné Guiné-Bissau Guiné Equatorial

H

Haiti Honduras

I

Iêmen Ilhas Maurício e Seychelles

Í

Índia

I

Indonésia Irã

J

Jamaica Jordânia

K

Kosovo Kuwait

L

Lesoto Líbano Libéria Líbia

M

Macedônia do Norte Madagascar Malásia Malauí Maldivas Mali Marrocos Mauritânia México Moçambique Moldova Mongólia Montenegro Myanmar

N

Namíbia Nepal Nicarágua Níger Nigéria

P

Panamá Papua Nova Guiné Paquistão Paraguai PDR do Laos Peru Programa de Assistência ao Povo Palestino

Q

Quênia Quirguistão

R

República Centro-Africana República Democrática do Congo República do Congo República do Iraque República Dominicana República Popular Democrática da Coreia Ruanda

S

Samoa (Escritório Multi-País) São Tomé e Príncipe Senegal Serra Leoa Sérvia Síria Somália Sri Lanka Sudão Sudão do Sul Suriname

T

Tailândia Tajiquistão Tanzânia Timor-Leste Togo Trinidad e Tobago Tucormenistão Tunísia Turquia

U

Ucrânia Uganda Uruguai Uzbequistão

V

Venezuela Vietnã

Z

Zâmbia Zimbábue