--- Image caption ---

O Escritório do PNUD Angola tem o prazer de anunciar que, por recomendação do Secretário-Geral da ONU António Guterres, após consulta aos Estados Membros, a Assembleia Geral das Nações Unidas confirmou Achim Steiner como Administrador do PNUD por mais um mandato de quatro anos, que terá início a 17 de Junho de 2021. O PNUD Angola felicita o Administrador e deseja-lhe sucesso no seu novo mandato, que será certamente tão produtivo e inovador como o primeiro.

Achim Steiner tem sido um líder global em desenvolvimento sustentável e cooperação internacional há mais de três décadas. Durante este tempo ele tem defendido a sustentabilidade, o crescimento económico, e a igualdade. Ele tem sido um corajoso defensor da Agenda 2030 e dos Objectivos de Desenvolvimento Sustentável. Antes de se juntar ao PNUD como Administrador (o cargo mais elevado da organização), Steiner foi Director da Oxford Martin School e professor na Balliol College, Universidade de Oxford. Entre 2006 e 2016, serviu como Director Executivo do Programa das Nações Unidas para o Ambiente. De 2009 a 2011, foi Director-Geral do Gabinete das Nações Unidas em Nairobi. Antes disso, serviu como Director-Geral da União Internacional para a Conservação da Natureza de 2001 a 2006 e como Secretário-Geral da Comissão Mundial de Barragens na África do Sul de 1998 a 2001.

 

 

 

--- Article text goes here ---

PNUD PNUD no mundo

Você está em PNUD Angola 
Ir a PNUD Global

A

Afeganistão

Á

África do Sul

A

Albânia Angola Arábia Saudita Argélia Argentina Armênia Azerbaijão

B

Bahrein Bangladesh Barbados Belize Benim Bielorrússia Bolívia Bósnia e Herzegovina Botsuana Brasil Burkina Faso Burundi Butão

C

Cabo Verde Camarões Camboja Casaquistão Chade Chile China Chipre Colômbia Comores Costa do Marfim Costa Rica Cuba

D

Djibouti

E

Egito El Salvador Equador Eritréia Escritório do Pacífico Essuatíni Etiópia

F

Filipinas

G

Gabão Gâmbia Gana Geórgia Guatemala Guiana Guiné Guiné-Bissau Guiné Equatorial

H

Haiti Honduras

I

Iêmen Ilhas Maurício e Seychelles

Í

Índia

I

Indonésia Irã

J

Jamaica Jordânia

K

Kosovo Kuwait

L

Lesoto Líbano Libéria Líbia

M

Macedônia do Norte Madagascar Malásia Malauí Maldivas Mali Marrocos Mauritânia México Moçambique Moldova Mongólia Montenegro Myanmar

N

Namíbia Nepal Nicarágua Níger Nigéria

P

Panamá Papua Nova Guiné Paquistão Paraguai PDR do Laos Peru Programa de Assistência ao Povo Palestino

Q

Quênia Quirguistão

R

República Centro-Africana República Democrática do Congo República do Congo República do Iraque República Dominicana República Popular Democrática da Coreia Ruanda

S

Samoa (Escritório Multi-País) São Tomé e Príncipe Senegal Serra Leoa Sérvia Síria Somália Sri Lanka Sudão Sudão do Sul Suriname

T

Tailândia Tajiquistão Tanzânia Timor-Leste Togo Trinidad e Tobago Tucormenistão Tunísia Turquia

U

Ucrânia Uganda Uruguai Uzbequistão

V

Venezuela Vietnã

Z

Zâmbia Zimbábue