Crédito: Pro PALOP-TL ISC

Os diálogos iniciam hoje, 5 de Outubro às 10h00 de Angola com as intervenções de “Enquadramento e visão” da 2ª Vice-Presidente da Assembleia Nacional de Angola, Senhora Suzana Augusta de Melo, do Representante do Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento no país, Senhor Edo Stork, e da Chefe de Cooperação da Delegação da União Europeia em Angola, Senhora Manuela Navarro. Os Diálogos de Alto-Nível debruçam-se sobre o impacto socioeconómico da pandemia COVID-19 na governação económica e sistemas de gestão das finanças públicas nos PALOP e Timor Leste.

Como administrar recursos escassos mantendo as funções primordiais do Estado e a implementação de políticas públicas? |Como é que os atores estatais e não estatais devem exercer o seu papel no ecossistema de gestão das finanças públicas num mundo volátil, incerto, complexo e ambíguo (VICA)? São estes os pontos de partida para uma série de 10 diálogos organizados pelo Pro PALOP-TL ISC em resposta ao impacto socioeconómico da pandemia COVID-19 nos seis países beneficiários do Programa, os PALOP e Timor-Leste.

Para fazer face aos desafios das mudanças transformacionais que as instituições nacionais terão de operar para responder à atual crise de saúde pública e ao impacto socioeconómico da pandemia, o Pro PALOP-TL ISC convidou duas personalidades e pensadores de alto nível, com influência de alcance global, Luísa Diogo, antiga Primeira Ministra de Moçambique, e Paulo Gomes, membro do Conselho de Administração do Fundo Especial da União Africana contra o COVID-19, com mais de 25 anos de experiência no setor público e privado.

Uma Liderança com direção, alinhamento e compromisso (DAC) para um mundo volátil, incerto, complexo e ambíguo é o eixo em torno do qual irão decorrer os debates, nos quais os dirigentes e fazedores de políticas dos 6 países terão a oportunidade de problematizar e analisar as especificidades dos seus próprios contextos e delinear respostas e soluções para os complexos desafios de mudanças nos programas e orçamentos do governo e no modus operandi das várias instituições nacionais.A sessão será também transmitida online via Facebook, permitindo assim a inclusão de todos os cidadãos.

Sobre Pro PALOP-TL ISC Fase II

Pro PALOP-TL ISC (FASE II) - Programa para a Consolidação da Governação Económica e Sistemas de Gestão das Finanças Públicas nos PALOP e Timor Leste tem como objetivo a melhoria da governação económica nos PALOP-TL. O Programa resulta da Parceria Estratégica entre a UE|PNUD, e conta com o financiamento da União Europeia em 7,7 milhões de Euros, administrados diretamente pelo PNUD. A ação enquadra-se nos esforços #TeamEurope da União Europeia em resposta à COVID-19 e no plano de resposta do PNUD a médio prazo ao impacto da pandemia COVID-19 nos PALOP e Timor Leste.

--- Article text goes here ---

PNUD PNUD no mundo

Você está em PNUD Angola 
Ir a PNUD Global

A

Afeganistão

Á

África do Sul

A

Albânia Angola Arábia Saudita Argélia Argentina Armênia Azerbaijão

B

Bahrein Bangladesh Barbados Belize Benim Bielorrússia Bolívia Bósnia e Herzegovina Botsuana Brasil Burkina Faso Burundi Butão

C

Cabo Verde Camarões Camboja Casaquistão Chade Chile China Chipre Colômbia Comores Costa do Marfim Costa Rica Cuba

D

Djibouti

E

Egito El Salvador Equador Eritréia Escritório do Pacífico Essuatíni Etiópia

F

Filipinas

G

Gabão Gâmbia Gana Geórgia Guatemala Guiana Guiné Guiné-Bissau Guiné Equatorial

H

Haiti Honduras

I

Iêmen Ilhas Maurício e Seychelles

Í

Índia

I

Indonésia Irã

J

Jamaica Jordânia

K

Kosovo Kuwait

L

Lesoto Líbano Libéria Líbia

M

Macedônia do Norte Madagascar Malásia Malauí Maldivas Mali Marrocos Mauritânia México Moçambique Moldova Mongólia Montenegro Myanmar

N

Namíbia Nepal Nicarágua Níger Nigéria

P

Panamá Papua Nova Guiné Paquistão Paraguai PDR do Laos Peru Programa de Assistência ao Povo Palestino

Q

Quênia Quirguistão

R

República Centro-Africana República Democrática do Congo República do Congo República do Iraque República Dominicana República Popular Democrática da Coreia Ruanda

S

Samoa (Escritório Multi-País) São Tomé e Príncipe Senegal Serra Leoa Sérvia Síria Somália Sri Lanka Sudão Sudão do Sul Suriname

T

Tailândia Tajiquistão Tanzânia Timor-Leste Togo Trinidad e Tobago Tucormenistão Tunísia Turquia

U

Ucrânia Uganda Uruguai Uzbequistão

V

Venezuela Vietnã

Z

Zâmbia Zimbábue