UNDP Angola

A desigualdade entre homens e mulheres é uma barreira ao desenvolvimento humano e ao bem-estar comum. Angola tem aderido a instrumentos internacionais e adoptado políticas e programas nacionais para fomentar a igualdade e equidade de género e o empoderamento da mulher. No entanto, para que estas acções sejam eficazes, devem ser baseadas em dados estatísticos reais e fiáveis.

Assim, o Ministério da Acção Social, Família e Promoção da Mulher (MASFAMU) em parceria com o  Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD) em Angola, apresenta amanhã, 21 de Novembro, a proposta para o desenvolvimento do Sistema Nacional de Indicadores de Género, para consulta pública e validação do Conselho Nacional de Estatística. Este sistema servirá como quadro orientador para a recolha, produção e disseminação de dados desagregados por sexo nas áreas política, económica, social, institucional, estrutural e cultural, para permitir a captação da situação de desigualdade entre homens e mulheres

No evento, serão ainda apresentados um diagnóstico realizado em 2018, uma matriz de 116 indicadores e um plano de acção para a implementação do SNIG.

A consulta vai se realizar no dia 21 de Novembro, das 08:30 as 13:00 horas, no Hotel Trópico. Para mais informação sobre a proposta e os três documentos, queira por favor seguir os seguintes links.

Diagnóstico Actual

Matriz de Indicadores de Género

Sistema Nacional de Indicadores de Género (SNIG)

PNUD PNUD no mundo

Você está em PNUD Angola 
Ir a PNUD Global

A

Afeganistão

Á

África do Sul

A

Albânia Angola Arábia Saudita Argélia Argentina Armênia Azerbaijão

B

Bahrein Bangladesh Barbados Belize Benim Bielorrússia Bolívia Bósnia e Herzegovina Botsuana Brasil Burkina Faso Burundi Butão

C

Cabo Verde Camarões Camboja Casaquistão Chade Chile China Chipre Colômbia Comores Costa do Marfim Costa Rica Cuba

D

Djibouti

E

Egito El Salvador Equador Eritréia Escritório do Pacífico Essuatíni Etiópia

F

Filipinas

G

Gabão Gâmbia Gana Geórgia Guatemala Guiana Guiné Guiné-Bissau Guiné Equatorial

H

Haiti Honduras

I

Iêmen Ilhas Maurício e Seychelles

Í

Índia

I

Indonésia Irã

J

Jamaica Jordânia

K

Kosovo Kuwait

L

Lesoto Líbano Libéria Líbia

M

Macedônia do Norte Madagascar Malásia Malauí Maldivas Mali Marrocos Mauritânia México Moçambique Moldova Mongólia Montenegro Myanmar

N

Namíbia Nepal Nicarágua Níger Nigéria

P

Panamá Papua Nova Guiné Paquistão Paraguai PDR do Laos Peru Programa de Assistência ao Povo Palestino

Q

Quênia Quirguistão

R

República Centro-Africana República Democrática do Congo República do Congo República do Iraque República Dominicana República Popular Democrática da Coreia Ruanda

S

Samoa (Escritório Multi-País) São Tomé e Príncipe Senegal Serra Leoa Sérvia Síria Somália Sri Lanka Sudão Sudão do Sul Suriname

T

Tailândia Tajiquistão Tanzânia Timor-Leste Togo Trinidad e Tobago Tucormenistão Tunísia Turquia

U

Ucrânia Uganda Uruguai Uzbequistão

V

Venezuela Vietnã

Z

Zâmbia Zimbábue