Como parte do "Projecto para a promoção e desenvolvimento de competências e criação de emprego para jovens”, o Ministério da Administração Pública, Trabalho e Segurança Social (MAPTSS) e o Instituto Nacional de Apoio às Pequenas e Médias Empresas (INAPEM) com o apoio do PNUD e do UNICEF e financiamento da Embaixada Real da Noruega em Angola, planeiam realizar uma mesa redonda sobre  troca de experiências entre formandos do INAPEM e do INEFOP,  no dia 1 de Outubro deste ano, no anfiteatro do Centro de Formação Profissional do Cazenga.

A iniciativa enquadra-se no âmbito do Projeto referido, que está a ser implementado numa parceria conjunta entre o UNICEF e o PNUD, sob liderança do INEFOP e promove a igualdade de género, a educação e a participação de adolescentes e jovem mulheres em ocupações não tradicionais.

Durante o encontro serão abordados os temas sobre: i) vantagens e desafios do programa do INAPEM e a experiência dos formandos; ii) cooperativismo e acesso ao crédito aos formandos do INAPEM; iii) linhas orientadoras do INAPM para o programa de formação com INEFOP, entre outros temas segundo a agenda em anexo.   

Destaca-se que a evento visa reforçar as   acções  do Governo angolano no âmbito das medidas rápidas adoptadas para responder aos impactos da pandemia, incluindo o Plano de Acção de Promoção da Empregabilidade (PAPE) e o Programa para a Reconversão da Economia Informal (PREI) e é parte integrante do apoio existente dentro da implementação do Quadro de Cooperação entre o Governo da República de Angola e as Nações Unidas, para o Desenvolvimento Sustentável (UNSDCF) 2020-2022 e que contribui directamente para a realização dos compromissos internacionais do País, incluindo as Agendas 2030 para o Desenvolvimento Sustentável, e 2063 da União Africana, assim como para o Plano de Desenvolvimento Nacional (PDN) 2018-2022 mais especificamente no reforço do sistema nacional de formação técnico-profissional e empregabilidade.

Icon of SDG 01 Icon of SDG 05 Icon of SDG 08 Icon of SDG 17

PNUD PNUD no mundo

Você está em PNUD Angola 
Ir a PNUD Global

A

Afeganistão

Á

África do Sul

A

Albânia Angola Arábia Saudita Argélia Argentina Armênia Azerbaijão

B

Bahrein Bangladesh Barbados Belize Benim Bielorrússia Bolívia Bósnia e Herzegovina Botsuana Brasil Burkina Faso Burundi Butão

C

Cabo Verde Camarões Camboja Casaquistão Chade Chile China Chipre Colômbia Comores Costa do Marfim Costa Rica Cuba

D

Djibouti

E

Egito El Salvador Equador Eritréia Escritório do Pacífico Essuatíni Etiópia

F

Filipinas

G

Gabão Gâmbia Gana Geórgia Guatemala Guiana Guiné Guiné-Bissau Guiné Equatorial

H

Haiti Honduras

I

Iêmen Ilhas Maurício e Seychelles

Í

Índia

I

Indonésia Irã

J

Jamaica Jordânia

K

Kosovo Kuwait

L

Lesoto Líbano Libéria Líbia

M

Macedônia do Norte Madagascar Malásia Malauí Maldivas Mali Marrocos Mauritânia México Moçambique Moldova Mongólia Montenegro Myanmar

N

Namíbia Nepal Nicarágua Níger Nigéria

P

Panamá Papua Nova Guiné Paquistão Paraguai PDR do Laos Peru Programa de Assistência ao Povo Palestino

Q

Quênia Quirguistão

R

República Centro-Africana República Democrática do Congo República do Congo República do Iraque República Dominicana República Popular Democrática da Coreia Ruanda

S

Samoa (Escritório Multi-País) São Tomé e Príncipe Senegal Serra Leoa Sérvia Síria Somália Sri Lanka Sudão Sudão do Sul Suriname

T

Tailândia Tajiquistão Tanzânia Timor-Leste Togo Trinidad e Tobago Tucormenistão Tunísia Turquia

U

Ucrânia Uganda Uruguai Uzbequistão

V

Venezuela Vietnã

Z

Zâmbia Zimbábue