Começou esta segunda-feira, dia 20 de Janeiro, a primeira fase da formação sobre autarquias locais para as mulheres seleccionadas através de concurso público realizado em Dezembro. Das 50 candidatas seleccionadas, 25 irão participar, ao longo desta semana, na primeira sessão, e as restantes 25 iniciarão a formação na próxima semana, de 27 a 31 de Janeiro do corrente ano.
Caras amigas e caros amigos, uno-me a todos vós para dar as boas vindas ao Ano Novo. Entramos em 2020 num ambiente de incerteza e insegurança. As desigualdades persistem e muito fomentam a divisão e o ódio.Vivemos num mundo com guerras e num planeta em aquecimento.
Cada pessoa tem direito a todos os direitos: civis, políticos, económicos, sociais e culturais. Independentemente de onde vivem. Independentemente da raça, etnia, religião, origem social, gênero, orientação sexual, opinião política ou outra, deficiência ou rendimento ou qualquer outro status. Neste dia internacional, apelo a todos para apoiar e proteger os jovens que defendem os direitos humanos.
Apesar dos progressos substanciais feitos em dimensões como educação, saúde e padrões de vida, as necessidades básicas de muitas pessoas no mundo continuam sem respostas. Ainda persistem grandes desigualdades nas dimensões chave do desenvolvimento humano.
A corrupção ameaça o bem-estar das nossas sociedades, o futuro de nossos filhos e a saúde de nosso planeta. Deve ser combatida por todos e em nome de todos.
"A corrupção sufoca o crescimento económico e a inovação, e desencoraja o investimento tanto interno como externo. A corrupção desvia fundos destinados à serviços essenciais como saúde, educação, água potável, sanitação e habitação".
"No Dia Internacional do Voluntário, saudamos os cerca de mil milhões de voluntários que oferecem as suas habilidades, tempo e entusiasmo às comunidades em todo o mundo" frisou Achim Steiner.

Sobre Angola

Saiba Mais

30.175.553

Projecção da população (2019)

28,8%

Taxa de desemprego

3,8%

Indice de satisfação

71,01%

Taxa de alfabetização

Saiba Mais

PNUD PNUD no mundo

Você está em PNUD Angola 
Ir a PNUD Global

A

Afeganistão

Á

África do Sul

A

Albânia Angola Arábia Saudita Argélia Argentina Armênia Azerbaijão

B

Bahrein Bangladesh Barbados Belize Benim Bielorrússia Bolívia Bósnia e Herzegovina Botsuana Brasil Burkina Faso Burundi Butão

C

Cabo Verde Camarões Camboja Casaquistão Chade Chile China Chipre Colômbia Comores Costa do Marfim Costa Rica Cuba

D

Djibouti

E

Egito El Salvador Equador Eritréia Escritório do Pacífico Essuatíni Etiópia

F

Filipinas

G

Gabão Gâmbia Gana Geórgia Guatemala Guiana Guiné Guiné-Bissau Guiné Equatorial

H

Haiti Honduras

I

Iêmen Ilhas Maurício e Seychelles

Í

Índia

I

Indonésia Irã

J

Jamaica Jordânia

K

Kosovo Kuwait

L

Lesoto Líbano Libéria Líbia

M

Macedônia do Norte Madagascar Malásia Malauí Maldivas Mali Marrocos Mauritânia México Moçambique Moldova Mongólia Montenegro Myanmar

N

Namíbia Nepal Nicarágua Níger Nigéria

P

Panamá Papua Nova Guiné Paquistão Paraguai PDR do Laos Peru Programa de Assistência ao Povo Palestino

Q

Quênia Quirguistão

R

República Centro-Africana República Democrática do Congo República do Congo República do Iraque República Dominicana República Popular Democrática da Coreia Ruanda

S

Samoa (Escritório Multi-País) São Tomé e Príncipe Senegal Serra Leoa Sérvia Síria Somália Sri Lanka Sudão Sudão do Sul Suriname

T

Tailândia Tajiquistão Tanzânia Timor-Leste Togo Trinidad e Tobago Tucormenistão Tunísia Turquia

U

Ucrânia Uganda Uruguai Uzbequistão

V

Venezuela Vietnã

Z

Zâmbia Zimbábue