PNUD e Governo Angolano apoiam a Rede de Mediatecas na inclusão digital e desenvolvimento de habilidades para empregabilidade dos jovens em Angola

Oct 12, 2017

Luanda, 12 de Outubro de 2017 -  “Este apoio representa mais um contributo significativo no grande projecto do Governo de Angola sobre massificação e inclusão digital em Angola que tem tido um impacto muito grande no empreendedorismo, desenvolvimento de habilidades, abrindo assim oportunidades de emprego para muitos jovens. O projecto entre o PNUD e o Ministério das Telecomunicações,  através da Rede de Mediatecas de Luanda, chega assim a um dos pontos mais altos da nossa cooperação ”,  assim falava hoje o Director do PNUD em Angola, Henrik Fredborg Larsen, no acto oficial de entrega de equipamentos que foi presidida pelo Dr. Luis Armindo, Coordenador Nacional das Redes das  Mediateca de Angola, em representação de Sua  Excelência, Secretário de Estado, Dr. Pedro Sebastial Teta.  

Durante o evento realizado na Mediateca de Luanda, Henrik Fredborg Larsen, afirmou ainda que " O PNUD em Angola quer assegurar aos seus parceiros e principalmente ao Ministério das Telecomunicações e a Rede de Mediatecas o seu total apoio para uma cooperação mais estratégica que conduza a implementação dos Objectivos de Desenvolvimento Sustentável, desenvolvimento de políticas sobre uso de tecnologias de informação, a criação de oportunidades de emprego decente e participação dos  jovens nos processos nacionais.

Estes equipamentos serão instalados na sequência da formação de formadores, na elaboração de manuais para usuários e para formadores, que teve um efeito multiplicador muito grande com envolvimento de mais de 2000 formandos jovens na Mediateca de Luanda e Jose Eduardo dos Santos no Cazenga.

De salientar que uma grande parte da população juvenil de Luanda e arredores  têm beneficiado  de serviços altamente qualificados e profissionalizante das Mediatecas, e através das livrarias virtuais enormes oportunidades abrem-se para os jovens aumentarem as suas capacidades para investigação e elaboração do conhecimento sistemático. Além disso, as Redes de Mediatecas  em Angola são espaços por excelência que servem para o fortalecimento de redes sociais que partilham harmonia, liberdade responsável, melhorando assim o desempenho educacional  e socialização de conhecimentos.

O PNUD reconhece que as tecnologias de informação constituem hoje uma ferramenta importante para articular o desenvolvimento sustentavel mais inclusivo e participativo. Aumenta os niveis de inovação e criatividade e empregabilidade para os jovens.

Intervenção proferida pelo Director do PNUD em Angola, Henrik Fredborg Larsen