Nações Unidas em Angola reúne-se num diálogo estratégico com o Governo da Huila

Dec 8, 2016

Huíla, 08 de Dezembro de 2016 -"Queremos fazer mais para a Huila porque sabemos que o governo é líder de transparência, engajamento e efectividade. Por outras palavras,  consideramos fundamental aprimorar a integração entre as intervenções da ONU na Huíla com os programas e prioridades do Governo Provincial” afirmou Paolo Balladelli, Coordenador Residente do Sistema das Nações Unidas e Representante Residente do PNUD em Angola, por ocasião da realização da Mesa Redonda entre o Governo da Huila e a ONU,  através das suas agências FAO, UNICEF, OMS, PNUD, FNUAP, UNHabitat, PMA e ONUSIDA.

Na cerimónia de abertura, presidida por Sua Excia. Vice-Governadora, Maria João Francisco Chipalavela, o Coordenador Residente das Nações Unidas em Angola ressaltou ainda que é fundamental melhorar a eficiência e eficácia e, potenciando todas as sinergias que possam nascer, na óptica da Estratégia da Graduação de Angola da categoria de Países Menos Avançados, da implementação dos Objectivos de Desenvolvimento Sustentável e da modalidade “Unidos na Acção”.

Ao finalizar a sua intervenção o alto funcionário das Nações Unidas, referiu que “este encontro visa reunir parceiros nacionais e internacionais, instituições, e sociedade civil para juntos debaterem sobre a necessidade de melhorar e reforçar a capacitação técnica na recolha e análise de dados, de forma a assegurar a compreensão conjunta e exaustiva da situação e trabalhar numa base de dados comuns – recomendações da Avaliação das Necessidades Pós Desastre nas três Províncias afectadas pela seca no sul do País – enquadrada numa abordagem integrada e inclusiva”.

Discutiu-se no encontro a importância de se criarem condições económicas e de serviços sociais nas áreas rurais para controlar o êxodo das áreas rurais para as cidades. “Os camponeses desde há muito, que consideram as cidades como salvação, contudo quando chegam as cidades descobrem que as condições podem ser de maior pobreza” disse Balladelli ao mesmo tempo, que convidou a acelerar o investimento dos parceiros nas áreas rurais.

Durante o encontro de trabalho, os participantes analisaram e discutiram o estabelecimento de um Plano de Acção Conjunto entre o Governo da Província da Huila e o SNU, inclusive os respectivos mecanismos de monitoria, baseados nas experiências jà existentes; a definição dos próximos passos para o processo do Plano Anual Piloto 2017 e dos mecanismos de coordenação. 

Recorde-se que com a entrada em força da Agenda Global 2030 e os ODS, mais ênfase é dada aos esforços colectivos das Nações Unidas na coordenação e alinhamento com programas e prioridades nacionais, ou seja novas parcerias e uma abordagem integrada e multi-sectorial ao planeamento, implementação e seguimento para o desenvolvimento. 

Leia na íntegra o Discurso do Coordenador Residente do Sistema das Nações Unidas e Representante Residente do PNUD em Angola,  Paolo Balladelli.

Foto: http://www.huila.gov.ao/