Director de Operações Global da OCHA, John Ging visita Angola

Jun 24, 2016

Luanda,24 de Junho de 2016 - O Director de Operações Global da OCHA, Sr. John Ging, efectua uma visita de trabalho de dois dias ao país. Durante o seu primeiro dia de estadia em Angola, Sr. John Ging foi recebido em audiência pelo Ministro da Saúde, Luís Sambo, o Secretário de Estado do Interior, José Laborinho, e teve encontro de trabalho com os representantes das Agências de Nações Unidas, das Embaixadas e das ONGs em Angola.

Esta missão tem o propósito de conhecer e apoiar o trabalho do Executivo Angolano e parceiros,  nas intervenções de controlo da epidemia da febre amarela e de segurança alimentar no Sul do país. Igualmente, assegurar ao povo Angolano a cooperação das Nações Unidas em apoiar e acompanhar o país. Os países que mais têm responsabilidades na mudança climática, poderão mobilizar recursos para contribuir na mitigação dos impactos e dos danos nas populações vulneráveis.

Salienta-se que esta visita será  frutífera, em termos de constatação de importantes resultados alcançados ate agora, nomeadamente, a diminuição do alastramento da epidemia da febre amarela, bem como a resposta para melhorar a produção agrícola e nutricional das famílias com a entrega de sementes de curto ciclo pela FAO, apoio na construção de resiliência por parte das populações em situação de desastres pelo PNUD, a reabilitação de poços de água pela UNICEF, assistência médica pela OMS, o apoio no empoderamento do género pela FNUAP e o apoio fornecido pelos vários parceiros como a MSF, ADPP, CDC, CUAMM, Cooperação Cubana, entre outros.

De realçar, que os investimentos realizados no desenvolvimento das comunidades têm sido a melhor resposta para resolver a emergência nutricional, além de que a preparação para a gestão da emergência e a avaliação das necessidades de forma integral é fundamental. Nesse sentido, as Nações Unidas em Angola, o Executivo angolano, a União Europeia, o Banco Mundial, as ONGs, trabalharão com as comunidades afectadas durante o mês de Agosto, para melhorar a avaliação da situação que permita planificar intervenções efectivas para as populações vulneráveis.

Esta missão do alto funcionário da OCHA, Sr. John Ging, constitui também uma oportunidade para visitar e conhecer de perto às àreas afectadas nas províncias de Huíla e Cunene, e ainda terá a oportunidade de verificar a situação da febre amarela em Cahama e analisar com as autoridades municipais e provinciais oportunidades de aceleração de respostas.